A polêmica atuação letal da Polícia

Policial exercendo externamente a sua atividade, é esperado pela sociedade que haja sempre em consonância do que especificam as leis. E assim, este profissional vive o dilema entre viver e morrer todos os dias que sai de casa para trabalhar, deixando para trás uma família. Em 28 de julho, a Polícia Militar em Ribeirão das Neves abordou Jefferson Guilherme da Costa Santos, 20 anos, suspeito da prática de crimes e teria desferido sete tiros contra ele, onde o mesmo veio a falecer.

O Advogado de Jefferson alega, em posse do laudo pericial, que ele foi morto ao receber cinco, dos sete disparos, nas costas, e que por isto não estariam os policiais abrigados pelo instituto da legítima defesa como se ouvia desde os acontecimentos. Jefferson não tinha passagem pela polícia, trabalhava em uma distribuidora e estaria na missa no dia em que teria ocorrido um roubo onde o mesmo seria suspeito.

Qual o motivo do índice de letalidade da polícia quando do enfrentamento do crime?  São vários os aspectos que envolvem uma operação policial:

  1. O perfil do policial, que ao preferir ir para a rua e atender diversas ocorrências quer participar de um confronto armado e ser bem visto pelos colegas.
  2. Aquele que envolve em um confronto, se preocupa com o ambiente onde ele está trabalhando. Se for um local considerado perigoso o ataque poderá vir de qualquer lado, isto causa apreensão.
  3. Outro aspecto, a decisão do policial de atirar ou não, depende da vida deste profissional estar em risco, e o medo, angustia, temor pode influir na decisão e qualquer movimento do oponente é o motivo do disparo. Esta decisão ocorre em frações de segundo, na cabeça do policial é matar ou morrer, mesmo que posteriormente se mostre falso este cenário.
  4. Envolve também o aspecto emocional, onde a apreensão, nervosismo, medo, raiva, ansiedade e tensão estarão envolvidos o que dificulta a tomada de decisão mais correta naquele momento. Podendo sofrer de estresse pós-traumático logo após o confronto.
  5. O treinamento disponibilizado aos policiais nunca é o ideal e muitas vezes fora da realidade com o qual o profissional terá de enfrentar, o que acaba causando temor, da morte ou ir para a cadeia.

Por este pequeno resumo, é possível aquilatar a dificuldade para que uma decisão correta e legal seja efetivada quando em uma ação policial, e este profissional faz algo que não deveria ter sido feito.

@elsonmatosdacosta

Fonte: Wilquerson Felizardo Sandes. Dimensões da Ação Policial em uma troca de tiros: Um estudo psicossociológico da decisão pelo uso da força letal.

Imagem em destaque: April Bryant por Pixabay .