Eleições 2020: como se comportar no dia da votação

Neste domingo, mais de 147 milhões de eleitores comparecerão às urnas para escolher seus representantes nas eleições municipais 2020. Em Minas Gerais são 15.700.966 pessoas aptas a votar e em BH, 1.956.410.

Uma importante novidade é que, neste ano, o tempo de votação foi ampliado em uma hora e começará mais cedo: o horário será das 7h às 17h. Porém, o horário das 7h às 10h é preferencial para maiores de 60 anos. Os demais eleitores não serão proibidos de votar neste horário, mas devem, se possível, comparecer a partir das 10h, respeitando a preferência.

É tempo de eleição, mas previna-se contra o coronavírus. Foto TRE-MG

O que pode

É permitida a manifestação individual e silenciosa da preferência do eleitor por partido político, coligação ou candidato, revelada exclusivamente pelo uso de bandeiras, broches, dísticos, adesivos e camisetas.

O eleitor ainda pode levar para a cabine de votação uma “cola” (lembrete) com os números dos candidatos escolhidos.

A legislação também permite a manutenção da propaganda que tenha sido divulgada na internet antes do dia da eleição.

O eleitor deve permanecer de máscara desde o momento em que sair de casa. É recomendável levar, além do título de eleitor e comprovante de identidade, a própria caneta e álcool em gel.

Por fim, é permitido que, nos crachás dos fiscais partidários, nos trabalhos de votação, só constem o nome e a sigla do partido político ou da coligação a que sirvam, sendo vedada a padronização do vestuário.

Denuncie

Denúncias de irregularidades e crimes eleitorais podem ser feitas pelo aplicativo Pardal, criado pela Justiça Eleitoral, ou encaminhadas diretamente ao Ministério Público.

No dia da votação, os juízes eleitorais e os presidentes de seção exercem poder de polícia, podendo tomar as providências necessárias para cessar qualquer irregularidade e inibir práticas ilegais dos candidatos e dos eleitores.

Fonte: https://www.tre-mg.jus.br/eleicoes/eleicoes-2018/eleitorado