Exaustão física e emocional na profissão; quando o trabalho te adoece

A necessidade de sobrevivência nos impulsiona ao mundo do trabalho. Isso faz parte da vida, porém a necessidade de responder de acordo com o que nos é cobrado socialmente, status, uma vida feliz quase sempre associada ao mundo do ter, pode ocasionar um grau de estresse muito grande e levar ao adoecimento mental, e as consequências podem ser devastadoras na vida da pessoa, nos níveis pessoal e profissional.

Dentre os adoecimentos podemos citara ansiedade, depressão, síndrome do pânico, estresse ocupacional, Síndrome de Burnout.

A ansiedade muitas vezes é associada a depressão, e as causas podem ser variadas, lembrando que cada um é indivíduo e as razões da ansiedade também. No mundo do trabalho a ansiedade pode vir de ambiente tóxico nas relações interpessoais e da necessidade de mostrar resultados, embora prazos e metas muitas vezes inatingíveis.

A depressão pode começar com a ansiedade. A sensação de não ser bom o suficiente e de ter que mostrar o contrário, isso parece que vai minando a energia da pessoa e o sentimento de não encontrar significado, característico da depressão, pode se instalar. Alguns até conseguem se blindar internamente e estar bem sob pressão, mas um número cada vez maior não consegue.

A síndrome do pânico, pode aparecer subitamente, numa mistura de desespero e medo, e muitas vezes a pessoa associa a problemas cardíacos por causar falta de ar e dor no peito, além de uma certa desorientação.

O estresse ocupacional é um dos adoecimentos mentais mais comuns no mundo do trabalho. A tecnologia te proporciona trabalhar de qualquer lugar de onde você esteja, porém o número de demandas e o horário de trabalho parecem não conciliar e se você não se disciplinar vai estar trabalhando muito além do horário normal de trabalho.

A Síndrome de Burnout é uma sensação de exaustão física e mental onde a pessoa não consegue mais realizar a atividade profissional.

O trabalho pode ser uma atividade prazerosa, pelo menos deveria ser,te trás o sustento, e é uma atividade onde você passa grande parte do seu tempo ocupado com seu trabalho.Deveria ser um lugar de alegria porque é um lugar onde podemos desenvolver nosso potencial produtivo.

Cada um só faz o que dá conta. Você só faz o seu possível. Sofrer para responder as expectativas externas não parece ser uma boa opção. Somos indivíduos, cada um é único, somos insubstituíveis para nós mesmos e só podemos nos comparar com nós mesmos. Não se engane,no mundo do trabalho,  você  pode ser facilmente substituído.

O que é mais importante para você? Sem saúde tanto física como mental dificilmente teremos bons resultados em qualquer área da nossa vida. Sempre existem alternativas, busque ajuda, faça  escolhas que priorizem você!

Imagem em destaque: Gerd Altmann por Pixabay.