Marcone: o cabeleireiro que devolveu o sorriso à pacientes do Baleia

Imagine perder a mãe e três tias, além de outros parentes para o câncer? Inacreditável foi transformar tanta dor em sorrisos e esperança para mulheres em tratamento pela mesma doença. Essa é uma parte da história do cabeleireiro Marcone Ribeiro de Paula.

Há dois anos, depois de passar pelo luto de tantas mortes, Marcone conta que teve um sonho. Assim que acordou, o que vinha à lembrança dele era um sentimento de recomeço. Foi daí que o cabeleireiro, com experiência de 35 anos nos mais renomados salões de beleza da capital, decidiu criar a ong Todos por uma Causa.

É na ong que ele faz, recursos da própria aposentadoria e de poucos doadores de materiais, as perucas para pacientes de quimioterapia do Hospital da Baleia. Marcone é um dos voluntários da Rede de Amigos do Hospital da Baleia.

Segundo a assistente de Mobilização de Recursos do Hospital da Baleia, Maria Conceição Almeida, atualmente são mais de 200 voluntários cadastrados. Eles atuam toda semana ou quinzenalmente em várias áreas da instituição, como no bazar, nos setores de internação Adulta e Pediátrica, no Centro de Nefrologia, no ambulatório oncológico, na radioterapia, entre entre outros locais.

As perucas que o Marcone faz são doadas, assim como os cabelos que chegam até ele. De acordo com o cabeleireiro, nos últimos dois anos mais de 400 mulheres do Baleia tiveram o sorriso e a auto-estima de volta, como neste vídeo que você confere agora: