Ministério da Saúde adia inscrição para curso de prevenção ao suicídio

Devido à alta procura, foram prorrogadas, até o dia 16 de novembro, as inscrições para os cursos de ensino a distância sobre Prevenção da Automutilação e do Suicídio promovido pelo Ministério da Saúde. Até o momento, mais de 50 mil pessoas se inscreveram.

Os cursos online são ministrados desde 11 de setembro e ficarão disponíveis na plataforma até o final de dezembro. Já foram realizados mais de 160 mil downloads das cartilhas digitais e quase 70 mil inscrições, sendo mais de 40 mil para o curso de prevenção à automutilação e quase 30 mil inscritos no curso de prevenção ao suicídio.

O curso é online e gratuito. Foto pixabay

Contexto

As ofertas educacionais fazem parte do “I Ciclo de Promoção e Prevenção em Saúde” das Ações de Educação em Saúde em Defesa da Vida lançado mês passado pelo Ministério da Saúde, por meio da Secretaria de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde (SGTES). Os cursos possuem carga horária de 20h e 40h. Todo o material é disponibilizado por módulos.

As ações têm como objetivo qualificar profissionais de saúde, educadores da rede pública e privada de ensino, profissionais dos conselhos tutelares, estudantes universitários dos cursos de medicina/psiquiatria, psicologia, direito, serviço social, teologia e enfermagem; líderes de associações religiosas, líderes comunitários, entidades beneficentes e movimentos sociais ligados à criança e ao adolescente, e, multiplicadores para a abordagem de crianças e adolescentes entre 11 e 18 anos.

Matrículas vão até 16 de novembro, por meio do site prevencaoevida.com.br