O agora é o único tempo possível para se viver

Você já deve ter ouvido que o tempo é igual ao vento, passam e não retornam ou ainda, que águas passadas não voltam e não movem moinhos. Podemos então pensar que o tempo, o vento e as águas, assim como a vida, só existem no agora (o moinho). Quantas vezes nos vemos envolvidos em nossas lembranças boas e suspirando falamos: “ah…tempo bom foi aquele, pena que não volta mais!”.

As memórias que enchem nossos corações de boas recordações, trazendo alegria e gratidão pela oportunidade de terem sido vividas aqueles momentos, são boas demais de lembrar, porém, não se demore muito nelas porque o tempo, o vento e as águas estão passando.

Viver de passado pode ser doloroso porque não tem como voltar lá e nos tira do agora que, na verdade, é o único tempo possível para se viver. O que você está fazendo com o tempo que passa nesse momento? O que você está fazendo com o seu tempo e com a sua vida, nesse momento?

O passado não pode te tirar do agora porque de repente você olha para o ontem e perceber que perdeu aquele momento que era tão importante e esperado por você e, no entanto você estava conectado com outro momento anterior e perdeu uma oportunidade que tanto buscava e não viveu aquele presente que agora já é passado.

As lembranças de dor e sofrimento servem como lições e aprendizado, mas não fique lá. Deixe no passado o que é do passado, não traga para o agora, não vale a pena porque te imobiliza. Se não está conseguindo, busque ajuda. O passado é como o tempo, o vento e as águas, passam e não voltam mais.

Deixe as lembranças virem sim, mas deixe as irem e não as retenha. Não se perca da oportunidade de viver o presente. Esse é o fluxo natural da vida.

Faça hoje o que você tem pra fazer. Brinque com a criança interna que existe em você, dance, pule, sorria, se abrace, faça uma declaração de amor para você, aprenda a gostar da sua própria companhia, da sua presença, aproveite a presença daqueles que te fazem bem e que estão com você agora. Observe que a paz e amor que tanto almejamos não é um objetivo a se alcançar, porém é parte do que você é.

Viva com tudo que é em você, suas alegrias e tristezas, e não se esqueça que tudo passa, tanto as dores quanto os momentos bons também. Portanto não se agarre a nada porque vai passar e não perca a oportunidade de viver o presente pois também vai passar. Seja feliz com o que você é e com o que você pode melhorar em você, agora.

Imagem em destaque: Regina Petkovic por Pixabay.