Prova de vida do INSS: fique atento ao calendário e não perca o benefício

O Radar Leste BH postou em edições anteriores, mas não custa reforçar: aposentados e pensionistas do INSS precisam a fazer prova de vida para receber os benefícios. O recadastramento já começou e será feito aos poucos, de forma escalonada.

Faça o cadastro no INSS. Foto: Mario Aranda por Pixabay

Desde 2012 os beneficiários do INSS precisam comparecer a cada 12 meses a sua agência bancária. O procedimento é obrigatório para todos que recebam os pagamentos por meio de conta corrente, conta poupança ou cartão magnético. O objetivo desse procedimento é evitar fraudes e pagamento de benefícios indevidos. A direção do INSS informa que 36 milhões de brasileiros precisam fazer a prova de vida este ano.

Após o mês determinado pelo calendário divulgado pelo INSS, a pessoa terá mais 3 meses de prazo para fazer a prova de vida. Só então o benefício poderá ser suspenso. O objetivo da medida é evitar fraudes e pagamentos indevidos.

O primeiro prazo de vida vence este mês e é de quem não renovou o cadastro em março e abril de 2020. Para quem deixou de fazer a prova de vida em maio e junho do ano passado, o limite é o mês que vem.

Confira aqui quando fazer a atualização do seu cadastro.

Tem opção também para os segurados acamados ou sem condições de se locomover. Basta agendar a visita pelo 135.