Redes sociais bombam com possíveis nomes para a vacina da UFMG

ArredaVac, CoronaTrem, CoronaUai, TremVac…desde que a Universidade Federal de Minas Gerais anunciou o desenvolvimento de uma vacina contra o coronavírus os internautas começaram a sugerir nomes para o imunizante.

Mas, a instituição informa que, até o momento, não há nenhuma campanha nesse sentido. A vacina da UFMG – que é uma das sete em desenvolvimento na Universidade – tem o nome de Spintec e é uma das três em estágio mais avançado no Brasil. O suporte financeiro de R$30 milhões, oferecido pela Prefeitura de BH, vai assegurar a continuidade das pesquisas.

A vacina já recebeu vários nomes. Foto: Gerd Altmann por Pixabay

Além do recurso da PBH, a UFMG já tem garantidos R$ 3 milhões em emendas parlamentares das deputadas estaduais Laura Serrano (Novo) e Beatriz Cerqueira (PT). De acordo com a reitora Sandra Goulart, novos aportes serão necessários no início de 2022 para a execução da etapa 3.

Após os testes com os primatas, os pesquisadores esperam ser autorizados a iniciar os experimentos clínicos em humanos, que serão divididos em três fases. As fases 1 e 2 deverão ser realizadas ainda este ano, e a fase 3, no início de 2022. Caso os testes confirmem a segurança e a eficácia da vacina, o imunizante deverá chegar ao mercado ainda em 2022.

Fonte de informações: www.ufmg.br