Torcedor atleticano reserva lugar no sofá para ser campeão

A torcida já está comemorando o bicampeonato do Atlético desde o apito final na vitória por 2 a 1 contra o Fluminense, mas ainda há necessidade de o time somar dois pontos em nove em disputa ou torcer para que o Flamengo não vença um dos quatro jogos que restam para que o time mineiro confirme o tão sonhado título brasileiro. A temporada 2021 apertada do futebol nacional, ainda impactada pelas paralisações do futebol, em 2020, por causa da epidemia de Covid, vai levar o atleticano para o sofá para torcer contra o Flamengo, na terça-feira, diante do Ceará, e favor do Galo que joga contra o Bahia, na próxima quinta, em Salvador.

Essa torcida à distância e o conforto na tabela com 11 pontos a mais que o Flamengo levaram os quase 60 mil torcedores no Mineirão e outros milhões espalhados pelo Brasil, celebrarem a conquista gritando “é campeão”. O grito estava guardado, mas não deu mais para segurar. Só que agora é hora de preparar mais uma festa longe do time.

O primeiro compromisso com o sofá será na terça, dia 30, às 8h da noite.Flamengo x Ceará vai valer muito mais do que a possibilidade do título do Atlético. O Flamengo precisa dar uma resposta em campo para os seus torcedores que sonharam com títulos como Brasileirão, Copa do Brasil e Libertadores. O elenco mais caro do País ficou no quase em 2021. Ganhou a Supercopa do Brasil, contra o Palmeiras, no início de 2021, e o Cariocão. E foi só. O Flamengo já tem vaga garantida na Libertadores de 2022 e começa a refazer o time para a próxima temporada. Para o torcedor do Vozão, como é carinhosamente chamado pelos seus torcedores, o jogo tem um peso enorme. O Ceará briga para ficar entre os 8 primeiros, para ficar mais bem colocado do que o rival Fortaleza e carimbar uma vaga na Libertadores.

Caso o Flamengo vença a partida da terça na quinta-feira o torcedor atleticano voltará para o sofá para torcer pelo Galo contra o Bahia e para que o clube some mais dois pontos, ou seja, vença os baianos. Se não vierem os pontos, o torcedor vai dormir no sofá para na sexta, dia 3 de dezembro torcer de novo contra o Flamengo diante do Sport. Se o Flamengo voltar a vencer aí sim o atleticano vai deixar o conforto de casa e buscar um dos raros 62 mil ingressos que serão vendidos para o confronto do Galo contra o Bragantino, domingo dia 5, no Mineirão.

A Black Friday já foi e o atleticano que não trocou o sofá ou a TV pode procurar a casa de um amigo, fazer um churrasco, ou tentar uma alternativa divertida para celebrar o título. Depois de 50 anos, o que vai realmente importar é bordar uma segunda estrela amarela no escudo. Muitos ainda vão dizer que o campeonato Brasileiro ainda não acabou, mas na boa, já foi. Já deu.

Twitter @armandoBH69

Imagem em destaque: Clube Atlético Mineiro/Pedro Souza.