Vigilante dá outra utilidade para pneus e ajuda o meio ambiente

Que destino você dá para os pneus do seu carro quando eles são trocados? Deixa no borracheiro, na calçada de casa para o lixeiro levar… Um morador do bairro Jardim Pirineus, na região Leste BH, encontrou uma maneira criativa e sustentável dar um novo significado para o componente mais importante do veículo e colaborar com o meio ambiente.

O vigilante Joel Aguiar fica atento quando avista uma borracharia, um lote vago, lixo na rua ou quando passa por um bota-fora. Ele logo quer saber se encontra pneu, matéria-prima para o hobby dele. E, quando acha, leva para casa e transforma o material em vasos de plantas com formatos diferentes. “Eu lavo as peças com detergente, esfrego para sair toda a sujeira e deixo secar para depois mexer com elas”.

Joel aprendeu o ofício com um vizinho há cerca de 20 anos quando morava no bairro Nacional, em Contagem. Começou a produzir as peças, o irmão gostou, o amigo do irmão encomendou e não parou mais. Como trabalha em dias alternados, ele aproveita as folgas para fazer vasos, réplicas de xícaras, lixeiras ecológicas e caminhas para cachorro com pneus. “Eu uso a faca e uma serra tico tico para me auxiliar com os cortes. Se o dia render, faço mais de uma peça”.

Estas são algumas da peças produzidas pelo Joel nos dias de folga (foto Joel)

O vigilante acredita que já deva ter produzido mais de 50 peças e capricha nos detalhes. Todas são pintadas com cores vivas, com furos para drenagem, um cuidado especial para não acumular água e nem atrair o mosquito da dengue. O preço de cada unidade varia e pode custar R$60,00, em média.

Para aprimorar o trabalho e fazer outras variedades de peças Joel espera conseguir juntar dinheiro e comprar uma esmeriladeira. O preço da ferramenta está em torno de R$200,00. “Vai dar para fazer uma lixeira com pneu de ônibus para o meu irmão”.

Este é o Joel, todo orgulhoso com o dom e o serviço que presta ao meio ambiente (foto Joel)

Gostou do trabalho do Joel? Quer fazer uma encomenda? O conato dele é (31)99576-2087.

A importância da Reciclagem

Estima-se que o tempo de decomposição dos pneus seja de 600 anos. Com essa demora, você já considerou os inúmeros danos que esse material pode causar ao entrar em contato com o meio ambiente?

Pneus velhos descartados de forma incorreta podem contribuir para o entupimento de rios e redes de esgotos, causando inundações e poluindo rios e solo. Além disso, os pneus descartados ocupam um espaço considerável nos aterros sanitários e, se incinerados de forma incorreta, tornam-se agentes da poluição atmosférica.

Só no Brasil, a produção de pneus é de 40 milhões de unidades por ano e a geração de pneus velhos é de assustadores 160 milhões de unidades pelo mesmo período. Não bastasse os efeitos devastadores sobre o meio ambiente e a atmosfera, a fabricação de pneus demanda uma quantidade extraordinária de matérias-primas, como aço, borracha natural e petróleo. Fonte:

https://www.dinamicambiental.com.br/blog/reciclagem/voce-decomposicao-pneus-entenda-importancia-reciclagem/

Imagem em destaque: Joel Aguiar.